Fígado de boi: como escolher e dicas de como prepará-lo!

Descubra os benefícios desse super alimento!

 

Bife de fígado

Temperar os bifes de fígado com tomates maduros deixa a carne ainda mais macia!

Bife de fígado acebolado…  Quase deu pra sentir o cheirinho dai, né? Recentemente classificado como um “super-alimento”, o fígado bovino não é só saboroso, mas também é riquíssimo em vitaminas e diversos compostos benéficos para nossa saúde.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Mas, antes de falarmos sobre as qualidades desse alimento, levantamos algumas questões: você sabe como escolher o melhor corte de fígado? Identificar se a carne está fresquinha? E na hora de preparar, a carne ainda fica dura ou borrachuda?

Para tirar todas as suas dúvidas, nós do TudoGostoso separamos algumas dicas para escolher o melhor bife de fígado e prepará-lo com excelência!

Como escolher o melhor bife de fígado no supermercado?

Chegar ao supermercado e dar de cara com tantas opções de carne deixa qualquer um desnorteado! Como saber quando o bife de fígado está fresco? O primeiro passo é evitar comprar a carne congelada, porque, como já falamos em outras matérias aqui do blog, o processo de descongelamento faz com que a carne perca muitas de suas propriedades e pode resultar em alterações de sabor!

Mais uma dica importante para verificar se a carne está fresca é fazer um simples teste: ainda no açougue, pressione a carne com um dedo. Se o formato do dedo permanecer por um tempo, a carne está macia e fresca. Se ela estiver dura e você sentir dificuldade em apertá-la, não está boa!

A cor da carne também diz muito sobre seu frescor. Ela deve ter com uma cor aproximada ao vermelho cereja. A mudança de cor da carne também indica a má qualidade da peça! Lembrando sempre que é essencial que a carne deve estar sempre brilhante e com a superfície bem lisinha.

Dicas para preparar o bife de fígado perfeito!

Um bife de fígado fritinho, com bastante cebola e bem macio… Dá pra resistir? Para garantir a maciez da carne, separamos alguns truques fáceis de fazer em casa, olha só:

Antes de preparar o fígado, deixe-o de molho em um recipiente com suco de laranja (da fruta, hein?) por aproximadamente 10 minutos. Isso ajuda a acabar com a acidez da carne e evita que ela resseque na hora de fritar. Legal, né?

Outra dica contra o ressecamento é, pasmem, o leite de vaca. Antes de temperá-lo com vinagre, alho e cebola, umedeça a carne com 1 colher (sopa) de leite. Não, seu bife não vai ficar com gosto de leite. Esse processo é ideal para que a carne não endureça depois de fritar.

O líquido do tomate também é uma boa para manter seus bifes macios! Tempere-os com um tomate bem maduro amassado e deixe descansar por alguns minutos. Depois é só fritar!

Ah! Uma dica legal para retirar a pele do fígado com facilidade, é dar umas “palmadinhas” com o cabo de uma faca sobre ela. Acredite, a pele vai sair com muito mais facilidade!

Os benefícios do bife de fígado para nossa alimentação

Além de delicioso, o bife de fígado também é riquíssimo em nutrientes fundamentais para o nosso organismo! Entre as vitaminas presentes nessa carne, estão a A, B12, B5, B6 e C. Além da vitaminas, alguns compostos como o folato (ácido fólico), o cobre, a riboflavina, o selênio o e zinco também fazem parte desse alimento tão saudável! Você sabia que em apenas 100 g de fígado consumimos aproximadamente 50% da necessidade diária de proteínas que nosso corpo precisa?

Recomendadas
Pela Web