Maneiras de fazer café: saiba mais sobre 5 métodos

Existem diversas maneiras de fazer café: saiba mais sobre 5 métodos, que resultam em bebidas com diferentes características.

Como você gosta de tomar um cafezinho? Com açúcar, com adoçante, com leite, puro, cremoso? Prefere café coado ou expresso? Todo mundo tem uma preferência na hora de saborear essa bebida, mas você sabia que existem diferentes maneiras de fazer café? Há muitas formas de extração que resultam em bebidas com diferentes características e, hoje, vamos te contar mais sobre 5 métodos para preparar café: no filtro de papel, no coador, prensa francesa, cafeteira italiana e Aeropress. Confira a seguir!

Maneiras de fazer café: conheça 5 métodos

conheça maneiras de fazer café

Café feito no filtro de papel: saiba mais sobre esse e outros métodos para fazer café

Filtro de papel

Esse método surgiu na Alemanha em 1908, criado por uma dona de casa chamada Melitta Bentz. Para eliminar os resíduos de café que ficavam no fundo da xícara e deixar a bebida menos amarga, ela fez furos em um caneco de latão e em uma tampa; depois recortou um pedaço de papel mata-borrão (um tipo de papel que absorve tinta fresca) e colocou-no no caneco de latão, tampando-o. Nascia, assim, o filtro de papel, que é amplamente usado até hoje. O café preparado no filtro de papel não é muito encorpado: ele fica mais suave, menos amargo e mais translúcido.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)
coador de pano para fazer café

O coador de pano é uma maneira tradicional de fazer café

Coador de pano

Um método supertradicional, presente em muitas casas brasileiras. Ele também é simples: basta colocar o pó no coador e despejar a água quente. Mas, claro, que há truques para deixar o café perfeito: para isso, antes de passar o café, jogue água quente em toda a lateral do coador de pano e descarte essa água. Coloque o pó moído, despeje um pouquinho de água e, depois de 15 segundos, coloque o restante dela lentamente e em movimentos circulares. Um detalhe importante: a água não pode estar superquente. Quando for esquentá-la, fique de olho e desligue o fogo quando começar a ferver.

como fazer café na prensa francesa

Prensa francesa: saiba mais sobre esse método

Prensa francesa (ou french press)

A prensa francesa surgiu na França (como o nome diz), mas foi registrada em 1929 por um designer italiano chamado Attilio Calimani. Para fazer a bebida com esse tipo de cafeteira, deve-se colocar o pó no fundo e despejar água quente, deixando a mistura descansar por alguns minutos; depois, empurra-se o êmbolo para baixo e o café é filtrado, pois o equipamento tem um filtro de trama de metal. O resultado é um cafezinho encorpado e com leve acidez cítrica. Para utilizar a prensa francesa, deve-usar um café de moagem grossa.

cafeteira moka

Cafeteira italiana

Cafeteira italiana ou moka

Para fazer café na moka, é bem simples: coloca-se água na parte de baixo da cafeteira e, na parte de cima, no recipiente furado, o café. A parte de cima deve ser rosqueada e a moka deve ir ao fogo. Quando a água ferve, ela passa pelo pó e a bebida sobe, ficando armazenada na parte superior. O resultado final é uma bebida bem encorpada e com pouca acidez. Para utilizar a cafeteira italiana, você deve utilizar um café moído grosso.

aeropress

Barista preparando café na Aeropress

Aeropress

A Aeropress foi inventada por um engenheiro norte-americano chamado Alan Adler no começo dos anos 2000. Ela é parecida com a prensa francesa, mas, na Aeropress, é o ar que faz pressão na base do cilindro. O equipamento é como uma seringa que segura o pó e a água em uma infusão e o filtro é um suporte com furinhos, onde é colocado um disco de papel. Esse tipo de cafeteira costuma ser um pouco mais cara do que a italiana e a francesa. Esse método combina a filtragem com a pressão e o resultado é uma bebida forte, menos amarga e menos ácida.

Veja também: 

Como moer café em casa: dicas para quem não tem moedor

Café perfeito na cafeteira: veja as dicas e não erre mais no preparo

Recomendadas
Pela Web