10 dicas para evitar deslizes na hora do lanche

Se alimentar bem na hora do lanche, mesmo estando fora de casa e na correria do dia a dia, é uma tarefa possível e muito indicada!

Algumas atitudes e informações podem tornar seu lanche muito mais saudável e benéfico para seu corpo.

Manter-se em uma dieta saudável pode parecer mais difícil do que realmente é. Tomando algumas medidas e reunindo informações, você pode se tornar uma pessoa com hábitos alimentares muito melhores, que trarão benefícios em curto, médio e longo prazo. Então, aproveite a forte tendência das pessoas que carregam seus lanches para todo lugar e aproveite estas dicas que reunimos para tornar essa missão mais fácil!

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Programe-se: Independente da sua rotina, para ter uma dieta saudável, você precisa se programar. Saiba quantas horas passará fora de casa e quais refeições acontecerão nesse intervalo. Essa medida fará com que você saia de casa com preparos certos e ideais para cada horário.

Saiba o que comer em cada refeição: Informe-se sobre que tipo de alimento é indicado para cada período do dia. O café da manhã, por exemplo, que é considerado a principal e mais importante refeição do dia, demanda certa quantidade de carboidratos e proteínas que garantirão mais disposição e atenção às funções diárias.

Coma certo, na hora certa: O ideal é fazer uma refeição a cada três horas, e isso não é novidade. Isso ajuda você a acelerar seu metabolismo, auxilia na redução de peso e evita os exageros da próxima refeição. Você, ao fazer um lanche de aproximadamente 120 calorias entre as principais refeições, evita grandes quantidades de carboidratos e gorduras durante o almoço ou o jantar.

Fique atento aos ingredientes: Prestar atenção aos ingredientes contidos nos alimentos industrializados faz grande diferença na hora do lanche. Observe, entre outras coisas, a quantidade de açúcares e sódio contidos no que vai comer, não dê atenção apenas ao seu valor calórico. Fique esperto e fuja dos ingredientes ruins escondidos em cada embalagem!

Coma muitas frutas: As frutas são ótimas opções para um lanche mais saudável. Elas repõem suas reservas de água no organismo e baixo valor calórico. As frutas secas também podem ser consideradas uma ótima opção de snack saudável, de forma que podem (e devem) ser incluídas na sua dieta regular.

Reduza (ou corte) a farinha branca: O ideal é que você troque todos os alimentos que contêm farinha refinada por aqueles que apresentam farinhas 100% integrais em suas fórmulas. Pães, biscoitos, torradas e bolos feitos com grãos e farinhas desse tipo se tornam alternativas incríveis na hora do lanche!

Escolha combinações balanceadas: É importante que suas opções de lanche sejam baseadas em porções equilibradas de cada substância necessária para um dia nutritivo. Tenha sempre uma opção de carboidrato, uma bebida (opte por sucos naturais, água de coco etc.), uma fruta e uma proteína (leite, iogurte, queijo etc.).

Alimente-se antes e depois dos exercícios: A melhor opção para antes do exercício é o carboidrato, que vai prover energia ao seu corpo. Mas não exagere! Depois, as proteínas fazem milagres! Caso você se exercite pela manhã, deixe o café da manhã para depois; antes, coma apenas uma pequena quantidade de pão integral, torrada etc.

Inclua oleaginosas em pelo menos um dos lanches intermediários: A ingestão de algum tipo de oleaginosa nos lanches entre as refeições principais é altamente indicada. Mesmo bastante calóricas, elas provêm substâncias que ajudarão seu organismo a funcionar melhor. Mas não exagere: apesar de as castanhas, nozes e outras opções serem deliciosas, as porções não devem ter mais de três ou quatro unidades.

Não exagere nos lanches à noite: No período da noite, opte por alimentos leves e de fácil digestão. Frutas, torradas integrais com queijo branco e mingau (como o de aveia) são alternativas ideais. Esses alimentos leves não prejudicarão a qualidade do seu sono e auxiliarão no emagrecimento.

Recomendadas
Pela Web