Óleos funcionais: confira 3 exemplos ricos em benefícios à saúde

Descubra mais sobre o óleo de abacate, óleo de linhaça e o óleo de cártamo.

Você sabe o que são óleos funcionais? Assim como os óleo refinados, o de soja, milho e canola, os óleos funcionais podem ser utilizados para frituras e cozimentos em geral. Derivados de sementes e frutas oleaginosas, os funcionais são ricos em nutrientes e garantem uma sensação maior de saciedade ao organismo. Descubra mais sobre 3 diferentes óleos funcionais e seus benefícios ao corpo.

Óleos funcionais: óleo de abacate

Óleos funcionais: óleo de abacate

Óleo de abacate

O óleo de abacate é extraído da polpa da fruta: com altas concentrações de vitamina E, ele oferece ações anti-inflamatórias e antioxidantes ao organismo. Além disso, os seus nutrientes ajudam a prevenir doenças cardiovasculares, aumentam a imunidade e ajudam no controle glicêmico.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)
Óleos funcionais: óleo de linhaça

Óleos funcionais: óleo de linhaça

Óleo de linhaça

Extraído das sementes de linhaça, esse óleo tem todos os benefícios e vantagens do grão. Rico em ácido graxos que garantem mais saciedade que outros tipos, o óleo de linhaça é importante na regulação da pressão arterial e no combate à inflamação das células de gordura. Outro importante benefício é a presença de um composto que leva à redução do colesterol, principalmente o LDL, conhecido com ruim.

Óleos funcionais: óleo de cártamo

Óleos funcionais: óleo de cártamo

Óleo de cártamo

Extraído da planta cártamo, esse óleo é rico em ômega-9 e ômega-6, além de antioxidantes. Também contribui para a perda de peso, já que proporciona uma sensação grande de saciedade. Pesquisas também mostram que esse óleo auxilia na quebra e oxidação das moléculas de gordura do corpo. Esse tipo é mais encontrado na formato de cápsulas, mas também há a versão líquida no mercado.

Recomendadas
Pela Web