Maxixe tem benefícios poderosos: descubra receitas e inclua na sua dieta

O maxixe é um vegetal de origem africana que lembra pepino e chuchu e pode ser consumido cru ou usado em receitas deliciosas com carne, feijão e mais!

Com tantas opções de vegetais para incluir na alimentação, alguns podem passar despercebidos. O maxixe é um bom exemplo. Apesar de estar presente na culinária do norte e do nordeste brasileiro, no resto do país a utilidade desta hortaliça é menos conhecida. Se você ainda não provou o maxixe, então confira no TudoGostoso o que é maxixe, quais seus benefícios e como preparar receitas com ele!

Maxixe: prato fundo com maxixada, com rodelas de maxixe, carne e molho

A maxixada é uma tradicional receita de maxixe que leva carne e um molho apetitoso

O que é maxixe?

O maxixe é uma planta de origem africana, que cresce em clima quente e próximo ao solo, sendo mais comum no norte e nordeste do Brasil. O fruto maxixe tem formato oval e é coberto de espinhos. Mas, ao contrário do que parece, os espinhos são moles e a casca é fina. Ele faz parte da mesma família do pepino, do chuchu e da abóbora. O maxixe e o pepino em particular são bem próximos em textura e sabor, mas o maxixe é menos macio e mais firme, ainda mais cru.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Quais são os benefícios do maxixe?

O maxixe é rico em nutrientes, principalmente o zinco, que auxilia no sistema cardiovascular, no metabolismo e na cicatrização. Mas é bom alertar que o zinco só está presente no fruto cru, já que depois do cozimento a concentração dele diminui bastante. Mas, além disso, o maxixe é fonte de vitaminas B e C, ferro, fósforo, cálcio, sódio e magnésio.

As folhas do maxixe também são comestíveis e é uma parte da planta com boa quantidade de fibras e nutrientes por causa da clorofila. Ou seja, não importa a parte da planta ou o modo de preparo, o consumo deste vegetal faz bem para o corpo.

Maxixe: vários maxixes com espinho fehcados e um cortado em um prato branco

Os espinhos do maxixe não espetam e só escondem os nutrientes deste vegetal incrível

Como se come o maxixe?

O ideal é comer maxixe cru, incluindo a hortaliça nas refeições sem nenhum cozimento. Você pode cortar em rodelas como um pepino para botar em um vinagrete ou uma salada de maxixe. Ou então tirar a casca e bater o fruto no liquidificador para fazer um suco saudável. Como picles não é só pepino, você pode fazer uma conserva de maxixe.

Se quiser apreciar o maxixe cozido, você pode refogá-lo para fazer uma maxixada deliciosa que combina com carne. Na hora de escolher o maxixe para comprar ou colher, prefira os mais firmes com cor verde e aparência homogênea. O maxixe não dura mais de três dias em temperatura ambiente antes de murchar, então compre apenas a quantidade necessária para usar no dia. Se precisar, guarde na geladeira, onde dura cerca de uma semana.

Para aproveitar toda a planta, pode cozinhar ou refogar as folhas para botar na salada, na sopa ou no recheio de massa de pastel. As folhas tem gosto parecido com o espinafre, mas deixa uma leve ardência na boca que é reduzida com o cozimento.

Quem não pode comer maxixe?

O maxixe faz bem para a saúde da maioria da população, mas existem contraindicações pontuais. Por ter muitas fibras, o maxixe não é indicado para pessoas com diverticulite. Para bebês, o ideal é esperar pelo menos chegar aos seis meses. Pessoas que têm alguma dificuldade em mastigar ou engolir devem ter cautela. Como o maxixe cru é duro, o ideal para esses indivíduos é o maxixe cozido que fica mais macio.

Maxixe: rodelas de maxixe em uma tigela branca sobre uma mesa

Apesar de perder alguns nutrientes, o maxixe fica mais saboroso e fácil de comer depois de cozido

Como fazer maxixe: receitas com o vegetal para você experimentar

Maxixe

O preparo mais simples de maxixe é cozido no fogão com um pouco de sal por cerca de dez minutos. Assim o fruto fica tenro e pronto para adicionar em outros pratos.

Maxixe com carne moída

A combinação de maxixe com carne moída é um dos melhores usos deste fruto.

Maxixe recheado

Esta receita ensina como você pode rechear o maxixe usando carne para fazer um prato inovador e saboroso.

Maxixada baiana

A maxixada baiana é uma daquelas receitas que coloca um mundo de delícias na panela, incluindo maxixe, carne seca, camarão e azeite de dendê.

Molho de quiabo e maxixe com charque

O maxixe e o quiabo são bons para encorpar um molho gostoso com charque. Os três ingredientes são preparados juntos com água na panela de pressão, o que facilita o trabalho e unifica os sabores.

Frango com maxixe

Não é só a carne vermelha que fica boa com maxixe. É só preparar o frango na panela e acrescentar o maxixe junto a outros legumes e temperos e terá um prato pronto e completo.

Ensopado de maxixe

O ensopado de maxixe, além de ser bom, também é uma receita vegana ou vegetariana, já que não tem carne e nem nenhum produto de origem animal.

Feijão verde cremoso com quiabo, maxixe e vagem

Em vez da feijoada típica dos finais de semana, experimente fazer um prato vegetariano com feijão verde bem cremoso que leva vegetais como o maxixe e ainda acrescenta queijo coalho.

Veja também:

Culinária nordestina: os principais temperos típicos no nordeste

Legumes na air fryer: receitas e truques que você precisa saber

Recomendadas
Pela Web