Festas juninas do Brasil: conheça pratos típicos e se esbalde com tradições e espetáculos

Viaje pelo Brasil e veja as festas juninas mais características de cada canto do nosso país

A festa junina começou como um costume dos portugueses de celebrar os santos no mês de junho, mas se transformou em uma festividade animada e com hábitos bem regionais. Cada cidade e estado deu seu toque especial e o resultado são eventos únicos e alegres por todo o país. Quer saber mais? Confira no TudoGostoso como são as tradições e os pratos das festas juninas pelo Brasil.

Festas juninas do Brasil: mesa colorida com bandeirinhas, amendoim, pé de moleque e mais

Das comidas até os shows, cada festa junina do Brasil tem a sua tradição

São João de Caruaru em Pernambuco

O São João de Caruaru é uma das maiores festas juninas do país. E não é só a festa que é grandiosa: suas comidas também são. As comidas e bebidas gigantes são típicas da festa e cada bairro ou região da cidade tem a sua. Já teve broa de milho, cozido de milho, bolo de pé de moleque, pamonha e outros pratos típicos em grandes proporções.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Os shows em Caruaru são igualmente famosos, dividido em seis polos pela cidade e com foco no forró, mas cantores de axé e piseiro também se apresentam na comemoração ao longo de todo o mês de junho. Para manter o clima, a cidade inteira fica decorada e os estabelecimentos mais criativos são premiados.

Festa de São João de Campina Grande na Paraíba

O pessoal de Campina Grande conhece festas juninas grandiosas. A Festa de São João da cidade paraibana constantemente disputa o nome de “maior festa junina do Brasil” com Caruaru. A festa dura 31 dias e atrai público com as suas quadrilhas e espetáculos de renome, com direito a uma queima de fogos de artifício na abertura.

O foco das festividades ocorre no Parque do Povo que, durante esta época do ano, ganha o nome de “quartel-general do forró”. O parque é decorado com bandeirinhas coloridas, com destaque para a Pirâmide, uma estrutura coberta sem sair do tema e que recebe campeonato de quadrilhas e ilhas de forró para quem quiser dançar ao som do verdadeiro forró pé-de-serra.

No Parque do Povo ainda acontece o casamento coletivo, na qual casais podem se inscrever e cerca de 80 a 100 deles são escolhidos para oficializar a união durante a festa. Para alimentar o público, as barraquinhas vendem pratos típicos de festa junina como canjica e milho assado. E quem gosta de uma festa junina diferente pode fazer um passeio no Expresso do Forró, um trem temático com shows dentro de cada vagão.

Festas juninas pelo Brasil: pote de canjica com canela em cima de toalha xadrez e bandeirinhas

A canjica é um prato bem típico da maioria das festas juninas

Mossoró Cidade Junina no Rio Grande do Norte

A cidade de Mossoró se torna uma “cidade junina” durante o mês, com celebrações durante cerca de 22 dias, normalmente entre 4 e 26 de junho. O primeiro dia já começa com uma tradição local. O “Pingo da Mei Dia” é um bloco junino com três trios elétricos que passam pelo corredor cultura da cidade com muita música.

Além de shows, quadrilhas e feiras de comida com pratos típicos com milho, como curau, bolo de milho, pipoca salgada tradicional, um destaque em Mossoró é o espetáculo “Chuva de Bala”. A obra teatral conta a história de como antigos moradores expulsaram Lampião e seu grupo de cangaceiros da cidade.

Forró Caju no Sergipe

O Forró Caju é a festa junina de Aracaju que acontece por 14 dias no final do mês. As festividades se encontram principalmente no centro, com muita música e show, e na orla, com uma cidade cenográfica intitulada de “Arraial do Povo” que simula a vida do interior. A música no Forró Caju mistura o tradicional e o popular, incluindo trios pé-de-serra, forró raiz, forró eletrônico e brega pop.

E se você não sabe dançar forró, mas quer aprender, não precisa ficar tímido. A festa tem até professores de dança que ensinam o forró para quem quiser aprender da melhor maneira. Já na praça de alimentação, o quentão, a pipoca, o mungunzá (outro nome da canjica) e o arroz doce são sempre sucesso nas barraquinhas.

Fogos de artifício de Estância em Sergipe

Na cidade de Estância, a festa junina é bem iluminada com tradições pirotécnicas. Um dos pontos altos da celebração que segue do dia 2 até 31 de junho é o barco de fogo, uma estrutura em formato de barco repleto de fogos de artifício. A atração corta a rua e é levada de um ponto a outro pelos céus através de um fio de aço.

Outro evento inusitado é a chamada guerra de espadas, uma brincadeira com pedaços de bambu com pólvora que soltam fagulhas iluminadas. Além disso, moradores e visitantes poderão aproveitar a música no forrobódromo e na vila do forró que é montada no centro da cidade para trios de pé-de-serra e outros artistas. Como é comum na região, o milho é um alimento tradicional desta época, com destaque ao quindim de milho.

Bumba-Meu-Boi em São Luís no Maranhão

O Bumba-Meu-Boi é uma tradição em várias cidades especialmente do Norte e Nordeste do país, mas um dos mais conhecidos hoje é o de São Luís, no Maranhão. O Bumba-Meu-Boi maranhense chegou a receber condecorações de Patrimônio Cultural pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (IPHAN) e pela UNESCO.

São mais de 500 grupos que desfilam com sons e vestimentas características para contar a história de Catirina e seu marido que tentam ressuscitar um animal que mataram. A festa junina de São Luís tem outras atrações, como a dança portuguesa, e celebra os dias de santos, iniciando no dia de Santo Antônio em 13 de junho, e encerrando no dia de São Marçal em 30 de junho. Entre as comidas mais comuns estão pratos típicos da região como vatapá, arroz de cuxá maranhense, torta de caranguejo e mingau de tapioca.

Festas juninas do Brasil: Bumba-Meu-Boi

O Bumba-Meu-Boi é uma figura importante do folclore brasileiro e da festa junina do Maranhão

Festa junina de Salvador na Bahia

A terra do axé e conhecida pelo carnaval também festeja no mês de junho. A cidade fica mais colorida com as bandeirinhas e decorações dos palcos especiais montados nessa época. Forró eletrônico, pé de serra e quadrilhas fazem parte da festa junina de Salvador. Além de hábitos juninos, a cultura baiana é celebrada e um prato que ninguém pode deixar de comer é o acarajé.

Maior São João do Cerrado em Ceilândia, DF

A festa junina de Ceilândia é chamada por eles de Maior São João do Cerrado. O festival na verdade sequer acontece em junho e sim em três dias no final de agosto, sendo uma opção para estender o período de festas.

Um grande palco recebe shows de artistas de forró e sertanejo. Na arena do folclore a tradição toma conta com quadrilhas e danças folclóricas, incluindo Bumba-Meu-Boi. A comida típica inclui pratos como pamonha, broa de fubá, arroz doce, bolo de amendoim e sopa paraguaia.

Festas juninas do Brasil: três pedaço de sopa paraguaia

Apesar do nome, a sopa paraguaia é na verdade um bolo com fubá, queijo e cebola

Banho de São João de Corumbá no Mato Grosso do Sul

Corumbá tem uma festa junina única marcada pelo banho de São João no Rio Paraguai. Durante a festividade, as pessoas descem com trajes típicos juninos até o rio para banhar a imagem de São João jogando a água do rio por cima. O evento ocorre desde a fundação da cidade e é Patrimônio Imaterial do Mato Grosso do Sul.

Além disso, o São João de Corumbá tem atividades comuns de festas juninas, como shows, quadrilhas, concursos, fogos de artifício e missas celebrando os santos. Como não pode faltar, a comida fica por conta de pratos da culinária pantaneira e quitutes típicos juninos.

Quermesses em São Paulo

No Sudeste, principalmente no estado de São Paulo, as festas juninas estão espalhadas em várias localidades. Em especial, igrejas católicas promovem quermesses, festividades para arrecadar dinheiro que incluem tradições juninas.

Quadrilha e forró estão presentes, mas é comum ter barracas de jogos e sorteios de prêmios, uma encenação de “casamento caipira” e sertanejo como trilha sonora. Para ter energia para as atividades, não faltam comidas como milho verde, cachorro-quente, pamonha, bolinho caipira, espetinhos e vinho quente.

Veja também:

Faça renda extra com Festa Junina: ganhe dinheiro com receitas típicas

Comidas salgadas de festa junina: confira uma lista cheia de sabor

Recomendadas
Pela Web